assinatura brita brazil
Brita Brazil e Rian Brito

English  BRITA BRAZIL é atriz, compositora, cantora, poetisa, dançarina, produtora e também a primeira Top model do Brasil durante 23 anos.

Como compositora, BRita escreveu 300 músicas e letras nos ritmos: bossa, blues, samba, bolero, jazz, rock, xote, baião, hip-hop, côco, marchinha, carimbó, pop e romântico. Agora ela está preparando seu song-book.

De 1990 a 1994 atuou na TV Globo como Flora Própolis, personagem criado pelo comediante Chico Anysio, cujo slogan era "Viva a Natureza!", inspirado em sua defesa do meio ambiente desde os anos 60. Por esse personagem, Brita ficou conhecida nacionalmente.

Um dos seus últimos trabalhos foi Indira em “Malhação”, um programa diário na TV Globo para a juventude - 2014/2015.

Em 2017, BRita completou 50 anos de carreira artística iniciada em 1967, aos 13 anos, para ter voz ativa na defesa da causa indígena. Além de seu ativismo nesta causa, ela atua em outro que marcou toda sua vida, por décadas, ajudando crianças pobres, dando-lhes amor e educação. Ela fundou o "Centro Cultural Crianças Afro-Índio do Brasil", uma espécie de "escola" que coordenou por 5 anos em uma área de alto risco em Brás de Pina, na favela Pequerí, dominada pelo tráfico. Mas, infelizmente, em 2008, BRita teve que se retirar dessa "escola" para cuidar de seus pais, que estavam doentes, e meses depois faleceram. Brita tem planos para continuar ajudando as crianças atuais, nessa localidade.

Sua carreira artística foi abruptamente interrompida por um drama que aconteceu com seu filho de 25 anos, o talentoso baixista e multi músico Rian Brito que foi vítima fatal de uma armadilha chamada Ayahuasca. Ele era uma pessoa antidrogas, e foi convidado para uma cerimônia séria para experimentar uma a planta indígena, dita saudável, e oferecida por "pseudo" xamãs. Riam morreu em conseqüência disso. Brita lidera a campanha "Campanha Rian Brito de Alerta os Perigos do Ayahuasca" desde 2016 em diante, onde encontrou muitas outras vítimas fatais dessa droga, vendida em muitos outros países como "um inocente ritual indígena brasileiro".

"TENHA CUIDADO com o Ayahuasca, uma droga que na Holanda está na lista do Ópio, e no Brasil é vendido como um inofensivo enteógeno ", diz BRita.